IBGE: produção industrial cresce 11% em PE e recua 5% no RS

Portal Terra

DA REDAÇÃO - A produção industrial cresceu em sete de 14 regiões pesquisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em fevereiro, na comparação com o mês imediatamente anterior com ajuste sazonal. Segundo dados divulgados nesta quarta-feira, o Pernambuco apresentou a maior taxa de avanço (11,1%), enquanto o Rio Grande do Sul registrou a maior queda (-5,3%).

O indicador acumulado nos últimos 12 meses reduziu o ritmo de queda para 2,6% em fevereiro, ante resultado negativo de 7,4% no fechamento de 2009. Em relação ao mesmo mês de 2009, todos os locais analisados tiveram alta na produção.

O movimento reflete "também a baixa base de comparação decorrente dos efeitos da crise econômica internacional", de acordo com o IBGE. Cresceram acima da média o Espírito Santo (37,9%), Goiás (31,6%), Minas Gerais (26,0%), Pernambuco (24,7%), Amazonas (22,5%) e São Paulo (20,9%).

Em Pernambuco, a alta foi puxada pela expansão da atividade de metalurgia básica (122,7%). Já o recuo no Rio Grande do Sul interrompeu uma sequência de oito meses consecutivos de alta da produção no Estado - período em que acumulou ganho de 12,5%.