Standard & Poor´s mantém perspectiva negativa do Reino Unido

SÃO PAULO, 29 de março de 2010 - A Standard & Poor's anunciou nesta segunda-feira que manteve o rating soberano "AAA" de longo prazo e o "A-1+" de curto prazo dos papéis do Reino Unido. Além disso, manteve a perspectiva futura negativa. A avaliação das transferências e das conversibilidades da ilha foram mantidos em "AAA".

Segundo a agência de classificação de risco, suas avaliações de rating potenciais futuros compreendem tipicamente um período de até dois anos. Uma revisão nas perspectivas não necessariamente precede uma mudança no rating.

De acordo com o analista de crédito em Londres, Trevor Cullinan, "a revisão realizada no dia 9 de maio de 2009 incluindo o país na perspectiva negativa ocorreu devido à deterioração estrutural das suas finanças públicas e a falta de um plano fiscal consolidado melhor especificado, em detrimento do rápido aumento dos encargos da dívida pública britânica".

A Standard & Poor's acredita que o débito governamental inglês será de 77% do Produto Interno Bruto (PIB) do país em 2010 e que vai alcançar 100% em 2014 (comparado a 44% em 2007).

(SéA Satndard&Poor´s anunciou nesta segunda-feira q - Agência IN)