Lula quer projetos do pré-sal votados ainda neste semestre

Agência Brasil

BRASÍLIA - O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, pediu aos líderes partidários da base aliada no Senado para conversarem com suas bancadas e encontrarem uma saída a fim de votar ainda no primeiro semestre os quatro projetos de lei que tratam do pré-sal.

Segundo o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), dentro de uma semana os líderes deverão voltar a conversar com o presidente sobre os resultados das negociações.

O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, que também participou da reunião, informou ainda que foi tratado com o presidente a não centralização dos debates dos projetos do pré-sal na questão da distribuição dos royalties, mas na importância da aprovação dos quatro projetos . Padilha lembrou que o governo vai manter as urgências constitucionais dos quatro projetos para que eles sejam aprovados neste semestre.

- Se tiver obstrução que a gente enfrente, mas sem negociar a retirada da urgência constitucional - lembrou.

Padilha disse ainda que a orientação de Lula é de conversar com as bancadas, ressaltando que o projeto original do governo não tratava da distribuição dos royalties. De acordo com o ministro, o fatiamento, ou seja, a divisão do projeto em dois (um tratando sobre o sistema de exploração sob o regime de partilha e o outro sobre a distribuição dos royalties), foi uma alternativa que os senadores apresentaram na reunião com Lula.

Para o ministro, o ano eleitoral não pode prejudicar a aprovação dos projetos. - Acho que o Senado vai ter ambiente mais tranquilo para o debate do que foi na Câmara - acredita. Padilha lembrou que se for necessário separar a partilha dos royalties e deixar a discussão dos royalties para depois das eleições, será uma boa solução.

- Uma das alternativas possíveis é recuperar o projeto original e debater royalties depois - disse.