Operação Chocolate do Ipem detecta erros

SÃO PAULO, 19 de março de 2010 - Os fiscais do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP), autarquia vinculada à Secretaria da Justiça, reprovaram 27 dos 184 lotes de produtos mais consumidos na Páscoa, examinados durante a "Operação Chocolate", realizada nos dias 15 e 16 de março.

Foram fiscalizados 184 lotes de produtos como ovos de Páscoa, bombons, trufas e colombas, além de pescado congelado, coletados em pontos de venda de todos os portes e lojas especializadas. Os exames foram realizados simultaneamente nos laboratórios do Ipem-SP em Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São Carlos, São José dos Campos, São José do Rio Preto e capital paulista.

Empresas autuadas devem retirar do ponto de venda os lotes dos produtos irregulares e têm dez dias para apresentação de defesa ao Ipem-SP. A partir deste prazo, o departamento Jurídico define a aplicação da multa que pode variar de R$ 100 a 50 mil, dobrando na reincidência.

(MLC - Agência IN)