GM convoca recall de 1,3 milhão de carros na América do Norte

Agência AFP

WASHINGTON - A montadora norte-americana General Motors (GM) anunciou o recall de 1,3 milhão de veículos na América do Norte devido a um possível problema na direção hidráulica, no momento em que as autoridades iniciam uma investigação por vários acidentes.

O recall inclui os modelos Chevrolet Cobalts 2005-2010 e Pontiac G5 2007-2010, assim como modelos similares vendidos no Canadá e no México, anunciou a gigante norte-americana na madrugada desta terça-feira.

A agência de segurança no transporte norte-americana (NHTSA) abriu uma investigação em janeiro relacionada a 905 mil Chevrolet Cobalts, depois de ter recebido mais de 1.100 denúncias de problemas na direção hidráulica que causaram 14 acidentes e um ferido.

- A tendência é que isto ocorra com modelos antigos que já não estão na garantia - indicou Jamie Hresko, vice-presidente da GM, citado em um comunicado.

- Retirar estes veículos é o correto para a tranquilidade de nossos clientes - acrescentou.

A decisão da GM é tomada depois que a maior montadora do mundo, a japonesa Toyota, anunciou o recall de cerca de 9 milhões de veículos no mundo desde o outono (hemisfério norte) por problemas de aceleração involuntária.