Infraestrutura brasileira é insuficiente, afirma S&P

SÃO PAULO, 26 de fevereiro de 2010 - A Standard & Poor's, em seu relatório "As Brazil Heads For The World Stage, It Looks To Bolster Infrastructure", afirma que a infraestrutura brasileira é insuficiente e ineficiente, apontando como sendo um dos fatores que pode restringir o seu crescimento sustentado.

Segundo a agência, por ser sede da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016, o Brasil agora tem prazos rígidos para cumprir com a necessidade de expandir sua infraestrutura crítica. "0 Brasil precisará gastar cerca de US$ 500 bilhões nos próximos cinco anos em áreas diversas como transportes, centros desportivos, usinas elétricas, instalações de tratamento de água e projetos de plataformas de petróleo", afirma.

No mesmo relatório, aponta o rating de crédito soberano da República Federativa do Brasil em ("BBB-/Estável/A-3" em moeda estrangeira, "BBB+/Estável/A-2" em moeda local e "brAAA/Estável/--" na Escala Nacional Brasil).

(Redação - Agência IN)