FMI quer supervisão ao sistema financeiro, diz Strauss-Kahn

Agência AFP

AFP - O diretor do Fundo Monetário Internacional, Dominique Strauss-Kahn, anunciará nesta sexta-feira durante um discurso em Washington, capital dos Estados Unidos, que a instituição solicitará aos Estados membros um papel de supervisão e intervenção mundial ampliado. O FMI pedirá um poder de supervisão do sistema financeiro mundial para uma melhor detecção de potenciais riscos.

- Pode haver a necessidade de um papel mais claro para detectar os riscos que pesam sobre a estabilidade econômica e financeira mundial - destacou Strauss-Kahn, segundo o discurso que será pronunciado no Comitê de Bretton Woods, em Washington.

Strauss-Kahn também disse que a instituição "está pronta para responder" às crises de liquidez mundiais, como a restrição de crédito em 2008 que levou o Federal Reserve (Fed) a estabelecer linhas de intercâmbio de moedas com outros bancos centrais.