Projeções abrem sinalizando avanço na BM&FBovespa

SÃO PAULO, 22 de fevereiro de 2010 - As projeções de juros embutidas nos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) iniciam o dia sinalizando avanço. Na BM&FBovespa, o contrato de DI de janeiro de 2011 indicava taxa anual de 10,31%, ante 10,28% do último fechamento. O DI para janeiro de 2012 projetava taxa anual de 11,44%, ante 11,41% do ajuste de sexta-feira.

Os agentes financeiros seguem avaliando o boletim Focus divulgado nesta manhã pelo Banco Central (BC). Segundo o documento, a estimativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2010 avançou de 5,47%, para 5,50%. Para o próximo ano, a estimativa de crescimento ficou inalterada em 4,50%.

Os analistas também mantiveram, pela quinta semana consecutiva, as apostas para a taxa básica de juros (Selic) deste ano em 11,25%. Já para o próximo ano, a expectativa recuou em 0,25 ponto percentual, para 11%. A estimativa de inflação (IPCA) para 2010 teve leve alta, ao passar de 4,80%, para 4,86% e para 2011, manteve-se em 4,50%.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)