Petrobras assina contrato para compra de biogás purificado

SÃO PAULO, 18 de janeiro de 2010 - A Petrobras assinou hoje, com a empresa Gás Verde S.A, contrato para a compra do Biogás Purificado, produzido na Usina de Biogás do Aterro Metropolitano de Jardim Gramacho, no Rio de Janeiro. O produto, na vazão aproximada de 200 mil m³/dia, será utilizado como insumo energético pela Refinaria Duque de Caxias (Reduc), substituindo o gás natural, que passará a ser comercializado pela Companhia no mercado não-térmico.

Além de proporcionar uma oportunidade econômica de diversificação do suprimento de gás para a Refinaria, a iniciativa permitirá à empresa desenvolver o conhecimento específico da queima de biogás purificado.

Do ponto de vista socioambiental, a compra do biogás purificado contribuirá para viabilizar o projeto de recuperação do Aterro Sanitário Metropolitano Jardim Gramacho, um dos maiores projetos mundiais inseridos no Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) da Organização das Nações Unidas (ONU).

A Petrobras tem como meta para este projeto, reduzir as emissões atmosféricas de gases causadores de efeito estufa (GEE); tratar 2 milhões de litros por dia de chorume, substância tóxica proveniente do processo de decomposição de matéria orgânica; recuperar a cobertura vegetal da área do aterro, estimada em 3 milhões m²; contribuir para a recuperação dos manguezais adjacentes ao perímetro do aterro, com cerca de 4 km lineares e implantar um plano de ação social, visando à melhoria da qualidade de vida dos atuais catadores de lixo. Para isso, será utilizado um fundo social, financiado com recursos oriundos do projeto e de outros patrocinadores.

(Redação - Agência IN)