Energia nuclear pode ser alternativa para as hidreletricas

SÃO PAULO, 18 de janeiro de 2010 - O presidente da Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares (Abdan), Antonio Ernesto Ferreira Muller, disse que o ambientalista inglês James Lovelock não se expressou bem quando afirmou que a energia nuclear não é a melhor alternativa para a geração de eletricidade limpa no Brasil.

Para o ambiemtalista inglês como o país ainda tem um grande potencial de instalação de hidroelétricas, a energia nuclear não seria necessária. "Só que ele não sabe que 90 mil megawatts (MW) dessa energia não podem ser aproveitados porque estão em terras indígenas", advertiu Muller.

Ferreira Muller disse que a partir de 2030 não haverá mais locais para construção de usinas hidrelétricas de grande porte no Brasil. Com isso, a saída será a energia nuclear ou usinas térmicas a carvão. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN)