Bird e Ministério da Saúde firmam acordo de R$ 235 milhões

SÃO PAULO, 23 de dezembro de 2009 - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, e o diretor do Banco Mundial (BIRD) para o Brasil, Makhtar Diop, assinaram um acordo de empréstimo na última terça-feira, em Brasília, no valor de US$ 235 milhões, para a melhoria do sistema de saúde brasileiro.

Com o recurso, será possível comprar equipamentos, ampliar e reformar hospitais, capacitar os profissionais de saúde e contratar consultorias para modernizar a gestão da rede de saúde pública. Ao todo, as ações beneficiarão aproximadamente cinco milhões de pessoas.

O recurso integra o Projeto de Investimento para a Qualificação do Sistema Único de Saúde (QualiSUS-Rede), que tem como objetivo a organização e a qualificação dos serviços públicos de saúde.

A contrapartida da União ao valor do empréstimo do Banco Mundial será de US$ 441,8 milhões, num total de US$ 676,8 milhões para a primeira fase. O esforço resultará em melhor promoção, prevenção, detecção e tratamento de problemas prioritários de saúde, com ênfase em doenças não-transmissíveis.

O projeto QualiSUS-Rede é dividido em duas fases. O acordo firmado ontem contempla ações da primeira fase, que vai de janeiro de 2010 a dezembro de 2014. Haverá uma segunda fase, também com cinco anos de duração.

(Redação - Agência IN)