Governo japonês não fornecerá fundos para ajudar a JAL

SÃO PAULO, 22 de dezembro de 2009 - O Governo japonês não dará empréstimos ou outros fundos à maior companhia aérea do país, a Japan Airlines (JAL), que atravessa um grave problema de liquidez, segundo assegurou hoje o ministro das Finanças, Hirohisa Fujii.

Estas declarações chegam eu um momento onde o Governo considera fornecer assistência financeira a JAL na segunda ampliação do orçamento do atual ano fiscal ou nas contas do exercício de 2010 que começa em abril.

(Redação - Agência IN)