Banco Central projeta desemprego de 7,8% em 2010

SÃO PAULO, 22 de dezembro de 2009 - O Banco Central (BC) espera que a taxa de desemprego em 2010 seja de 7,8%, na média. Se essa projeção se confirmar, será a menor da história, informou hoje o diretor de Política Econômica do BC, Mário Mesquita. Para dezembro de 2010, a previsão é de 6,5%.

Para 2009, na média, a estimativa é de 8,1%. Ao final deste mês, deve ficar em 6,6%. No final do ano, a taxa é menor porque tradicionalmente aumentam as contratações. Em 2008, a taxa média de desemprego foi de 7,9% e em 2007 de 9,3%.

"Não se efetivaram as projeções mais pessimistas sobre o mercado de trabalho neste ano, que não superou os dois dígitos como alguns pareciam acreditar".

Segundo Mesquita, isso se deveu à desaceleração da taxa de crescimento da população economicamente ativa e manutenção do poder de compra da população.

Outro fator apontado por Mesquita é que os efeitos da crise financeira internacional foram mais fortes no setor industrial do que no segmento de serviços, que é mais intenso em contratação de mão de obra. As informações são da Agência Brasil.

(Redação - Agência IN)