Economia global segue vulnerável, alerta FMI

REUTERS

REUTERS - A economia global está vulnerável, disse o chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI) nesta segunda-feira, acrescentando que uma recuperação duradoura dependerá de as autoridades tomarem medidas apropriadas nos próximos meses.

Dominique Strauss-Kahn, diretor-gerente do fundo, acrescentou que a prioridade dos países desenvolvidos deve ser pensar em medidas para arrumar a parte fiscal, mas ressaltou ainda ser muito cedo para retirar as políticas de estímulo à economia.

"Recomendamos pecar por excesso, já que retirar as medidas cedo demais é mais custoso do que retirá-las depois", afirmou ele em discurso preparado para um evento.