Airbus: executivo depõe em caso de informações privilegiadas

Portal Terra

PORTAL TERRA - Executivos da Airbus e do grupo europeu de aeronáutica EADS chegaram nesta segunda-feira ao Palais Brongniart, em Paris, para deporem perante a Autoridade Francesa dos Mercados Financeiros AMF (sigla em francês) sobre a suspeita de terem usado informações privilegiadas para obterem lucros na venda de ações da grupo.

A AMF, que já realizou um dos dois anos e meio das investigações, alega que os executivos da EADS e de sua subsidiária Airbus venderam ações do grupo, usando informações privilegiadas sobre o atraso da fabricação do avião A380 nos meses anteriores ao anúncio que causou a brutal queda de sua cotação na bolsa.

Entre os suspeitos estão Thomas Enders, presidente executivo da Airbus e ex-chefe executivo da EADS; Noel Forgeard, ex-vice-presidente da EADS; Louis Gallois, chefe da EADS; e John Leahy, chefe de operações da Airbus.