Safra de cereais será 8,1% menor em 2009, estima IBGE

SÃO PAULO, 5 de novembro de 2009 - Em outubro, a estimativa da safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas de 2009 indica 134,1 milhões de toneladas, 8,1% menor que a obtida em 2008 (recorde de 146,0 milhões de toneladas) e cerca de 8.500 toneladas inferior à estimativa de setembro, segundo informações divulgadas há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "Tal decréscimo se deve principalmente ao trigo, que apresenta retração no rendimento médio em Santa Catarina e no Paraná, reflexo das más condições climáticas", informa o IBGE.

As três principais culturas, soja, milho e arroz, que respondem por 81,4 % da área plantada apresentam variações de +2,2%, -4,6% e +1,0%, respectivamente, em relação a 2008.

Quanto à produção destes três produtos, apenas o arroz registra variação positiva (+4,2%). Já para a soja e o milho a previsão é de retração da produção em -4,8% e -13,3%, respectivamente.

A área a ser colhida de 47,2 milhões de hectares, comparativamente à colhida em 2008 e a estimativa do mês anterior para a safra 2009, apresenta decréscimo de -0,2% em relação a 2008 e não há variação (apenas -2.337 ha) frente ao mês anterior (setembro).

A safra esperada para 2009 tem a seguinte distribuição regional: Região Sul, 52,6 milhões de toneladas (-14,3%); Centro-Oeste, 48,9 milhões de toneladas (-3,8%); Sudeste, 17,2 milhões de toneladas (-2,4%); Nordeste, 11,7 milhões de toneladas (-6,0%) e Norte, 3,8 milhões de toneladas (+0,3%).

(CSU - Agência IN)