Resultado da BRMalls é neutro, avalia Ativa

SÃO PAULO, 5 de novembro de 2009 - A BRMalls, maior empresa integrada de shopping centers do Brasil, divulgou resultado referente ao terceiro trimestre de 2009, mostrando forte indicadores operacionais. A receita líquida cresceu 14% na comparação anual e o lucro bruto 14,2% na mesma base de comparação, com manutenção da margem bruta praticamente estável em 83,6%. A empresa foi beneficiada pela apreciação do real frente ao dólar, visto que o montante da dívida é denominada em dólar.

Na visão da Ativa Corretora, o resultado é neutro e veio em linha com o consenso de mercado, com exceção do lucro líquido (R$ 65,2 milhões), que veio bastante acima, provavelmente impactado por uma despesa financeira líquida menor do que a esperada.

"A desaceleração da taxa de crescimento da receita líquida pode ser explicada pela base de comparação que começa a ficar mais forte à medida que participações adquiridas em shoppings ao longo de 2008 começam a fazer parte da base. O grande destaque do trimestre foi a notável redução de 15,4% no ano das despesas de SG&A", avalia.

Um ponto de destaque foram as renovações dos contratos de aluguel e os novos contratos em shoppings existentes, nos quais a BRMalls obteve reajustes de 8,1% e 16,7%, respectivamente, acima do IGP-M, o que é bastante relevante dado que o aluguel mínimo corresponde cerca de 60% das receitas da companhia. Para o quarto trimestre de 2009, as perspectivas para vendas no varejo são positivamente fortes, com prazos cada vez mais alongados de parcelamentos, além da base de comparação mais fraca.

(Redação - Agência IN)