Petrobras conclui empréstimo de US$ 10 bilhões com banco chinês

Agência Brasil

BRASÍLIA - A Petrobras informou nesta quarta-feira que assinou, terça-feira, os contratos que concluem o financiamento de US$ 10 bilhões, com prazo de amortização de dez anos, com o banco chinês China Development Bank Corporation.

Os recursos serão utilizados para financiar o Plano de Negócios da Petrobras 2009-2013 e deverão ingressar no caixa da empresa em várias etapas, de acordo com os avisos de saques a serem emitidos pela empresa nos próximos meses.

Segundo a Petrobras, os contratos vinham sendo negociados desde maio de 2009, quando foi acertado o empréstimo entre as partes.

- Este financiamento tornou-se simbólico pelo valor financeiro envolvido e por representar uma nova fase de evolução das relações entre mercados de países em franco desenvolvimento - afirmou, em nota, a empresa.

Ainda de acordo com informações da Petrobras, quando for realizado o primeiro saque do contrato com o banco chinês, entrará em vigor o acordo de longo prazo de exportação de petróleo da Petrobras para a Unipec Ásia, subsidiária da Sinopec, a estatal chinesa do petróleo, que prevê exportação de 150 mil barris de petróleo por dia, para o primeiro ano, e de 200 mil barris nos nove anos subsequentes.

- Embora o início do contrato de exportação esteja condicionado ao começo do financiamento, os contratos são independentes, não constituindo uma operação de securitização - informou a Petrobras.