Lula diz que população e empresários devem acreditar em inovação

Paula Laboissière, Agência Brasil

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu hoje (26) que a população e os empresários brasileiros sobretudo os micro e pequenas acreditem em investimentos em inovação.

Na semana passada, Lula se reuniu com empresários da cadeia produtiva brasileira. Segundo ele, aproximadamente 6 mil empresas do país investem em pesquisas e 30 mil, em algum outro tipo de inovação.

- Nesse mundo competitivo em que precisamos exportar mais e precisamos vender mais no mercado interno, há sempre uma disputa muito forte entre os vários setores empresariais - disse, em seu programa semanal Café com o Presidente.

O presidente lembrou que o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) vai participar de forma ativa no estímulo à inovação. Para ele, se o governo conseguir convencer o setor empresarial de que deve participar, o país vai vivenciar um avanço extraordinário .

Lula comentou também o anúncio da adição de 5% de biodiesel ao diesel produzido no Brasil a partir de janeiro de 2010. Segundo ele, o adiantamento da medida em três anos já que estava prevista apenas para 2013 significa que a indústria automobilística está segura em relação à qualidade do chamado B5.

- O mais importante é que praticamente 85% das empresas que produzem o biodiesel são empresas que têm o selo social, que têm uma vinculação muito grande com a agricultura familiar e atendem o princípio da lei: fazer com que a produção do biodiesel pudesse gerar emprego, ajudando a agricultura familiar - disse.