Alta na venda de lácteos da Danone no 3º tri supera estimativas

James Regan, REUTERS

REUTERS - O grupo de alimentos francês Danone informou que cortes de preços e publicidade ajudaram a acelerar a recuperação do volume de vendas de produtos lácteos no terceiro trimestre e acrescentou que está confiante sobre 2010.

As vendas trimestrais do grupo, cujas principais marcas incluem os iogurtes Activia e Actimel, caíram 1,7%, para 3,78 bilhões de euros (5,66 bilhões de dólares), pressionadas pelo câmbio. Sem considerar variação cambial, as vendas teriam crescido 4,1%.

O volume de lácteos subiu 7%, comparado com 2,7% no segundo trimestre, disse a Danone em comunicado nesta sexta-feira.

A expectativa era a de que a Danone anunciasse vendas de 3,82 bilhões de euros no terceiro trimestre, de acordo com a média das projeções de 11 analistas consultados pela Reuters. O volume de lácteos, conforme as previsões, cresceria 4,59%.

A Danone tem no segmento de lácteos cerca de 57% de suas vendas e cortou preços, depois de reajustá-los em 10% no ano passado, para salvaguardar a demanda diante da redução do orçamento dos consumidores por conta da crise econômica. A companhia também se beneficiou de crescimento nos segmentos de alimentos para bebês e nutrição médica.

- O que o mercado vai focar é o crescimento mais forte do que o esperado em lácteos - afirmou o analista do ING Financial Markets Marco Gulpers.

As ações da Danone subiam 1,50%, para 42,23 euros, às 08h20.

A Danone informou ainda que as vendas do segundo semestre devem crescer cerca de 4%.