Europa: bolsas avançam puxadas por bancos e commodities

REUTERS

LONDRES - As bolsas de valores da Europa exibiam alta nesta segunda-feira, após recuarem na sessão passada, com as ações do setor bancário em valorização e as commodities acompanhando o desempenho dos preços do petróleo e dos metais.

Às 8h43 (de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 exibia alta de 1,03%, a 1.020 pontos, pouco abaixo das máximas em 12 meses de 1.026 pontos atingidas na sexta-feira. Investidores também aguardavam mais notícias de resultados corporativos, com a Texas Instruments e a Apple previstas para anunciar seus balanços mais tarde.

- Há uma atitude positiva e novamente estamos de olho em mais resultados corporativos que estão por vir. Há altas expectativas para a Apple, a companhia teve uma história corporativa fantástica nos últimos anos - disse Justin Urquhart Stewart, diretor da Seven Investment Management.

- A Texas Instruments, contudo, nós veremos se eles começaram a se estabilizar e se as encomendas por tecnologia da informação começaram a subir. Pontos de interrogação ainda permanecem - acrescentou.

Os bancos registravam os maiores ganhos dentro do indicador europeu. O segmento de energia apresentava um dos melhores desempenhos, conforme o petróleo se mantinha acima dos US$ 78 o barril, depois de alcançar o nível mais alto em 12 meses acima de US$ 79 o barril. As mineradoras avançavam, com os preços do cobre em alta de 1,1%.

Fabricantes de alimentos também tinham oscilação positiva, com a Nestlé ganhando quase 4% após o UBS ter elevado a recomendação do grupo de "neutra" para "compra". A montadora alemã Daimler avançava 2%, depois de seu presidente-executivo ter dito à revista WirtschaftsWoche que a companhia vai ultrapassar a meta de economia de 4 bilhões de euros (US$ 5,95 bilhões) em 2009.