Governo deve taxar capital estrangeiro no país

Jornal do Brasil

RIO - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu sinal verde para a edição de uma medida provisória para a taxação do capital estrangeiro no país, de acordo com reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo . O jornal O Estado de São Paulo também publicou a notícia, na véspera.

De acordo com a Folha, o nível de taxação será de acordo com o tempo em que os recursos permanecerem no país. Quanto menos tempo o dinheiro ficar, maior será a taxação. A medida deve ser anunciada no início da próxima semana e também englobará os investimentos no mercado de ações.

Lula negou

Na sexta-feira, durante visita a Pernambuco, onde participou de evento sobre a transposição do rio São Francisco, Lula disse a jornalistas que não havia previsão de taxar o capital estrangeiro.

Essa coisa de economia a gente não pode falar. Estou há três dias viajando. Vou voltar no final de semana e não tem nenhuma previsão de a gente fazer qualquer taxação em lugar nenhum disse o presidente na ocasião.

As declarações de Lula foram uma resposta a uma reportagem publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo na sexta-feira, que afirmava que o governo estuda retomar a cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre o capital estrangeiro como forma de segurar a valorização do real.