Produção tem menor retração anual desde 2008

SÃO PAULO, 2 de outubro de 2009 - Com retração de 7,2% em agosto deste ano, na comparação com o mesmo mês de 2008, a produção industrial brasileira registrou a menor baixa desde novembro de 2008 (-6,4%), de acordo com informações divulgadas hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "O índice de agosto confirma a trajetória positiva da indústria", considerou o IBGE.

A redução no ritmo de queda pode ser melhor observada pelo desempenho das atividades. Em agosto, 9 das 27 atividades apresentaram melhora, enquanto no mês anterior somente 4 ramos haviam mostrado avanço na produção.

Além disso, 25 dos 76 subsetores avançaram, contra 17 em julho. O índice de difusão por produto (percentual de produtos com crescimento na produção) também apontou melhora em agosto (33%), registrando o menor percentual de produtos em queda desde novembro do ano passado.

Ainda na comparação com agosto de 2008, a redução que mais pressionou o resultado global de agosto foi apontada por veículos automotores (-18,4%), com influência não só dos itens tipicamente associados ao segmento de bens de consumo duráveis, como os automóveis, mas também de produtos relacionados ao segmento de bens de capital (caminhões) e ao de bens intermediários (autopeças).

Também pressionaram negativamente os índices de máquinas e equipamentos (-19,0%), metalurgia básica (-16,1%) e máquinas, aparelhos e materiais elétricos (-22,1%).

Por outro lado, farmacêutica (6,0%), refino de petróleo e produção de álcool (3,2%) e bebidas (7,2%) foram as atividades que mais influenciaram positivamente a produção do mês de agosto.

(CSU - Agência IN)