Governo de SP libera recursos para estradas rurais

SÃO PAULO, 1 de outubro de 2009 - O Governo do Estado de São Paulo liberou para a Secretaria de Agricultura e Abastecimento mais R$ 15,9 milhões dentro do Programa Melhor Caminho, executado pela Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo (Codasp). Os investimentos são para a recuperação de estradas rurais, beneficiando 39 municípios e contabilizando outros 187,23 quilômetros de trechos adequados em todo o Estado.

O anúncio da liberação dos recursos foi feito pelo secretário de Agricultura, João Sampaio, durante a reunião do conselho de administração da Codasp, na quarta-feira (30 de setembro), em São Paulo.

Atualmente, a Codasp executa a recuperação de 761,87 quilômetros de estradas rurais em 124 municípios, com recursos de R$ 63,9 milhões. Os serviços ainda estão sendo realizados e a previsão é que os trabalhos se estendam até os próximos dois meses.

"O Melhor Caminho recebe os maiores investimentos dos últimos tempos, privilegiamos estradas rurais de grande importância para escoamento da produção e trânsito dos moradores. Junto com a recuperação de vicinais desenvolvida também pelo Governo do Estado, nosso programa é complementar ao objetivo principal - o de dar trafegabilidade o ano todo para atividade agrícola e reduzir os custos logísticos", afirma Sampaio.

Para o presidente da Codasp, Edinho Araújo, os recursos são bem-vindos, principalmente neste ano, em que as chuvas estão sendo mais intensas que nos anteriores. "O governador José Serra e o secretário João Sampaio têm um carinho especial ao Programa Melhor Caminho, porque interfere e ajuda diretamente a produção agrícola paulista."

A Codasp executa o Programa Melhor Caminho há 12 anos. Além de garantir o escoamento da produção agrícola, a conservação de estradas rurais de terra tem como objetivo a preservação dos recursos naturais, em especial a água e o solo, prevenindo e controlando processos erosivos decorrentes do escoamento das águas pluviais.

Nesse período, o programa do Governo do Estado de São Paulo já recuperou 8.700 quilômetros. Nos últimos dois anos e meio foram 3.400, em cerca de 500 municípios, e investimentos de R$ 237 milhões. Para 2010, a previsão é de orçamento de R$ 80 milhões para a recuperação de 1.100 quilômetros. (Com informações da Assessoria de Imprensa da Codasp)

(Redação - Agência IN)