Amyris capta R$ 75 milhões para impulsionar diesel

SÃO PAULO, 1 de outubro de 2009 - A Amyris Biotechnologies - que detém a tecnologia de produzir diesel a partir da cana-de-açúcar - anunciou hoje que concluiu processo de captação de recursos de R$ 75 milhões. A empresa, que possui uma planta na cidade de Campinas (SP), recebeu aporte de novos investidores, entre eles o Grupo Cornélio Brennand, com sede em Recife (PE). Amyris também recebeu investimentos de seus atuais acionistas que incluem Fundos Khosla Ventures, Kleiner Perkins, TPG (Texas Pacific Group) e Votorantim Novos Negócios.

"O sucesso desta nova rodada de captação demonstra a confiança dos nossos acionistas na tecnologia que desenvolvemos, na estratégia e na capacidade de implementação de nossa equipe, tanto no Brasil quanto nos EUA", afirmou John Melo, chief executive officer da Amyris Biotechnologies. "Agora a meta imediata é estabelecer operação em escala industrial no Brasil.", complementou o executivo, que traz no currículo a experiência de ter atuado como presidente de distribuição da petrolífera BP (British Petroleum) nos Estados Unidos.

"Entendemos que a Amyris tem avançado de forma sólida e consistente para atingir o objetivo de, no curto prazo, prover o mercado mundial com produtos renováveis, de baixo custo e que possam servir como alternativa limpa aos combustíveis e componentes químicos de origem fóssil", afirmou Francisco Andrade, diretor de novos negócios do Grupo Cornélio Brennand. Segundo o executivo, o investimento tem sinergia com o perfil empreendedor da holding, sempre atenta às oportunidades diferenciadas do mercado.

(Redação - Agência IN)