GM vai investir R$ 2 bi em fábrica do Brasil

Jornal do Brasil

DA REDAÇÃO - A montadora americana General Motors confirmou nesta quarta-feira planos de investir R$ 2 bilhões no Brasil até 2012 para desenvolver uma nova família de veículos voltada ao mercado sul-americano, um mercado considerado prioritário para a montadora, que procura se recuperar de uma concordata.

O presidente da GM no Brasil, e também responsável pelas operações no Mercosul, Jaime Ardila, revelou que a montadora planeja investir a maior parte dos recursos na fábrica de Gravataí, no Rio Grande do Sul. A intenção, de acordo com o executivo, é ampliar a capacidade de produção da unidade em três vezes.

O investimento, que totaliza R$ 2 bilhões, é parte de um plano de gastos de US$ 2,5 bilhões entre 2007 e 2012 na região do Mercosul, que inclui, além do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai. A GM fez o anúncio depois de Ardila se reunir nesta quarta-feira, em Brasília, com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Capacidade triplicada

O plano demanda gastos de R$ 1,4 bilhão para desenvolver a nova família de veículos Viva e triplicar a capacidade de produção da fábrica de Gravataí para 380 mil veículos por ano. Embora tenha evitado dar maiores detalhes, a montadora informou que os R$ 600 milhões restantes vão ser gastos com operações da GM em outras regiões do Brasil.