Taxas dos contratos de DI apontam alta no longo prazo

SÃO PAULO, 8 de julho de 2009 - Os prêmios dos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) negociados na BM&FBovespa abrem dentro da estabilidade no curto prazo e avanço nos vencimentos mais longos. Há pouco, o contrato de DI de janeiro de 2010, projetava juro de 8,73%, ante 8,72% do último fechamento. O DI para janeiro de 2011 registrava taxa de 9,84%, contra 9,78% do ajuste anterior. Janeiro de 2012 projetava juro de 10,98%, contra 10,91% do ajuste passado.

(Maria de Lourdes Chagas - Agência IN)