Braskem capta R$ 250 milhões por meio de fundo

SÃO PAULO, 8 de julho de 2009 - A Braskem concluiu com sucesso a captação de R$ 250 milhões através de FIDC (Fundo de Investimento de Direito Creditório), sendo R$ 227 milhões em cotas seniores e R$ 23 milhões em cotas subordinadas. A demanda para as cotas seniores foi de 3,8 vezes a oferta, o que acabou reduzindo em 53% o seu "spread" sobre o CDI. O prazo de pagamento total é de 18 meses, com 6 meses de carência, levando o prazo médio da transação para 12 meses.

As Cotas Seniores possuem rating AAA, nota superior ao da companhia em função da estrutura implementada. A remuneração inicial, concedida em garantia firme pelos bancos, foi de CDI +3,0%, ficando sua remuneração final, em função da forte demanda, em CDI +1,40% ao ano.

As Cotas Subordinadas Mezanino possuem rating BB+, refletindo a sua maior exposição a eventuais inadimplências do fundo. Sua remuneração final ficou em CDI +7,50% ao ano, em linha com a garantia firme. O custo ponderado da operação ficou em CDI +1,85% ao ano.

Intermediaram a operação o Banco do Brasil (BB), com participação da Caixa Econômica Federal e do UBS Pactual. Segundo a Braskem, a operação financeira contribui para ampliar o capital de giro da companhia e manter o crédito aos clientes, reforçando a contínua capacidade de acesso aos diversos mercados de crédito em diferentes momentos de liquidez.

(Simone e Silva Bernardino - Agência IN)