Índice de Preços por Atacado recua 0,64% em junho

SÃO PAULO, 7 de julho de 2009 - O Índice de Preços por Atacado (IPA) registrou recuo de 0,64% em junho. No mês anterior, a taxa de variação foi de &´8208;0,10%. O índice relativo a Bens Finais apresentou alta de 0,11%, ante uma queda de 0,43%. A principal contribuição para a aceleração partiu do subgrupo alimentos processados, cuja taxa passou de 0,21% em maio, para 1,08% em junho.

O índice de Bens Finais (ex), que resulta da exclusão de alimentos in natura e combustíveis, apresentou variação de 0,45%, depois de permanecer constante no mês anterior.

O índice do grupo Bens Intermediários apresentou declínio de 1,53% em junho, ante queda de 0,41% em maio. O destaque de desaceleração ficou por conta do subgrupo combustíveis e lubrificantes para a produção, cuja taxa de variação passou de 1,24% para &´8208;3,78%.

O índice de Bens Intermediários (ex), calculado após a exclusão de combustíveis e lubrificantes para a produção, apresentou perda de 1,23%. No mês anterior, a variação ficou negativa em 0,63%.

No estágio das Matérias&´8208;Primas Brutas, a taxa de variação recuou de 0,88% em maio, para &´8208;0,21% em junho. Os destaques no sentido descendente foram: soja (em grão) (4,69% para &´8208;0,46%), milho (em grão) (5,59% para &´8208;1,56%) e minério de ferro (&´8208;5,92% para &´8208;12,91%). Em sentido oposto, suínos (&´8208;3,43% para 9,63%), leite in natura (4,92% para 8,10%) e mandioca (aipim) (&´8208;9,46% para 0,55%).

(Redação - Agência IN)