Motorola produzirá produtos de banda larga sem fio

SÃO PAULO, 26 de junho de 2009 - A Motorola ampliou, a partir deste mês, as operações em seu Campus Industrial e Tecnológico de Jaguariúna (interior de São Paulo) para produzir no Brasil soluções de banda larga sem fio com tecnologia ponto-a-ponto e ponto-multiponto. Os produtos serão utilizados em projetos de cidades digitais em diversas prefeituras do País, assim como em grandes corporações e em operadoras de telefonia. As soluções fabricadas no País serão também exportadas para as demais localidades do Cone Sul, como Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai.

Com a produção dos equipamentos no Brasil, A Motorola objetiva consolidar a liderança da companhia no mercado regional de banda larga sem fio, além de garantir a competitividade e melhorar a disponibilidade de estoque para o canal. A companhia também pretende aumentar adoção dos produtos em mercados verticais e privados e continuar a investir na digitalização das cidades, para promover a inclusão digital e proporcionar soluções inovadoras para a segurança pública.

De acordo com o vice-presidente de Governo & Empresas da Motorola para o Brasil e Cone Sul, Eduardo Stéfano, a expectativa é de que a área continue crescendo de forma significativa este ano. Segundo o executivo, há um grande número de cidades brasileiras que possuem projetos para instalar as soluções ou ainda precisam de um sistema adequado de internet sem fio. Além disso, muitos municípios ainda não têm seus órgãos públicos interligados via internet, solução que oferece vantagens de tempo de implementação e dispensa custos mensais. "Hoje a banda larga é essencial e a qualidade da conexão é exigida cada vez mais. Grandes cidades já optam pelos sistemas ponto-a-ponto e ponto-multiponto, pela tecnologia de fácil instalação e, principalmente, por atender totalmente às necessidades locais", afirma Stéfano.

(SSB - Agência IN)