Espanha cria fundo de US$ 12,7 bi para setor financeiro

Agência AFP

MADRI - O governo espanhol criou nesta sexta-feira um fundo de auxílio ao setor financeiro dotado de 9 bilhões de euros (US$ 12,7 bilhões), que permitirá ao poder público entrar no capital de entidades em dificuldades.

O objetivo do fundo, criado por um decreto-lei aprovado no Conselho de Ministros, é facilitar a reorganização do setor financeiro espanhol, em particular vários bancos regionais.

Entre as diferentes possibilidades que dispõe o decreto, o Estado poderá ingressar no capital de certas entidades financeiras, explicou a ministra da Economia, Elena Salgado.

Os bancos espanhois escaparam relativamente da crise causada pelos créditos de risco do tipo 'subprime', mas algumas instituições, em especial os pequenos bancos regionais, se viram expostas à explosão da bolha imobiliária espanhola, o que fea aumentar suas taxas de crédito duvidosas e causou problemas de liquidez.