Amyris prepara produção em larga escala no País

SÃO PAULO, 25 de junho de 2009 - A Amyris do Brasil, subsidiária da Amyris Biotechnologies, está em fase final para iniciar a produção comercial em grande escala dos produtos da empresa no País, na fábrica em Campinas (SP).

A unidade foi projetada para melhorar os processos de produção dos combustíveis e produtos químicos da companhia. Estes produtos renováveis são produzidos utilizando leveduras modificadas com tecnologia proprietária da Amyris e são capazes de converter a sacarose da cana-de-açúcar em combustíveis e produtos químicos de alto valor.

A planta inclui operações em escala de demonstração e complementa as plantas piloto que a Amyris inaugurou em Emeryville, Califórnia, em 2008, e em Campinas no início deste ano. Com estas instalações a empresa se torna capaz de operar de maneira integrada todas as etapas necessárias para levar a tecnologia do laboratório à escala comercial.

A nova instalação permite a validação final dos processos, projetos de equipamento e métodos de produção, bem como a produção de mais de 40 mil litros de produtos em condições equivalentes às que serão utilizadas nas instalações comerciais.

O início da comercialização está previsto para 2011. A Amyris pretende trabalhar com a indústria de cana-de-açúcar brasileira convertendo usinas de etanol para produzir produtos Amyris.

"Esta instalação representa um passo crucial para a comercialização dos nossos combustíveis e materiais químicos", disse John Melo, chefe-executivo da Amyris Biotechnologies. "Agora o terreno está preparado para a indústria ingressar em uma nova era na qual tecnologias pioneiras como as da Amyris nos deixarão muito mais perto de reduzir o volume de dióxido de carbono no mundo."

A Amyris pretende colocar seus combustíveis e produtos químicos renováveis no mercado em 2011. O início da produção deve ocorrer em usinas que a companhia irá adquirir ou controlar. A partir de 2012, a Amyris pretende aumentar a produção trabalhando com usinas parceiras via acordos "capital light", em que a Amyris fornece tecnologia e o projeto das usinas e os usineiros convertem suas usinas em biorrefinarias para produzir produtos renováveis Amyris. A companhia distribuirá e comercializará estes produtos para os usuários finais.

"A tecnologia da Amyris promete aumentar o valor e a diversidade de produtos que o Brasil é capaz de produzir a partir da cana-de-açúcar", disse Fernando Reinach, diretor executivo da Votorantim Novos Negócios e membro do conselho de administração da Amyris Biotechnologies.

O produto inicial da Amyris será o diesel renovável com propriedades de desempenho que igualam ou superam as dos combustíveis derivados de petróleo e dos biocombustíveis disponíveis atualmente.

(Redação - Agência IN)