Governo anuncia incentivo a bens de capital na próxima semana

REUTERS

RIO - O governo vai anunciar as medidas de incentivo ao investimento em bens de capital no país no início da semana que vem, disse nesta sexta-feira o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho. O programa está sendo finalizado pelo banco e pelo Ministério da Fazenda, disse Coutinho.

- Estamos discutindo a montagem de um conjunto de medidas de apoio a bens de capital, ao investimento e à renovação do parque fabril - afirmou Coutinho a jornalistas, após participar de um fórum com secretários de Planejamento de todo o país.

O presidente do BNDES avaliou que ainda há uma ociosidade muito grande na indústria brasileira e o quadro só deve melhorar a partir do último trimestre deste ano. - A perspectiva de retomada da produção em 2010 reestimulará decisões de investimento. O setor está diante de um vale, mas a perspectiva é interessante. Não podemos depender só dos bens que vêm de fora - frisou Coutinho ao destacar os setores de petróleo e gás e agrícola como alguns que serão contemplados pelo novo programa a ser anunciado pelo governo.

Ele afirmou que o programa de incentivo a máquinas e equipamentos pode contar com uma ajuda de alguns governos estaduais, que estariam dispostos a reduzir suas alíquotas de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para os bens de capital. - Em alguns Estados, há sensibilidade em relação à necessidade de um tratamento mais leve do ICMS para bens de capital nesse período mais difícil - declarou o presidente do BNDES.

A queda nos investimentos pesou na retração do Produto Interno Bruto (PIB) do país no primeiro trimestre deste ano, levando o Brasil a um quadro de recessão técnica.