Sistema de partilha no pré-sal tem forte apoio, diz Lobão

REUTERS

RIO DE JANEIRO - O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmou que até o dia 15 de junho a comissão que estuda o novo marco regulatório para o setor de petróleo entregará ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva as propostas, e segundo ele a tendência é optar pelo sistema de partilha para o pré-sal.

- Temos consenso sobre algumas coisas. A partilha é uma das hipóteses bastante apoiada - disse Lobão à Reuters após participar de encontro com geólogos no Rio de Janeiro.

Ele avaliou que a CPI da Petrobras não vai atrapalhar a votação das novas regras, que deverão chegar ao Congresso ainda no mês de junho.

Segundo Lobão, o governo já descartou o sistema de convites para a exploração dos blocos do pré-sal e assim que o marco for aprovado um novo leilão será marcado. Ainda não foi defindo se o leilão do pré-sal será separado das demais áreas.