Índice para empresas teve alta de 13,4% em abril

SÃO PAULO, 27 de maio de 2009 - A inadimplência das empresas teve alta de 13,4% em abril deste ano, ante o mesmo período do ano passado, informou hoje o Serasa. Apesar do incremento, o Serasa destacou que o mês apresentou a menor elevação do índice desde novembro de 2008, "sinalizando que o pior momento em termos de inadimplência das pessoas jurídicas parece ter ficado para trás". Na comparação com março, inadimplência das empresas caiu 22%. Esta é a maior queda verificada desde abril de 2006.

De janeiro a abril, o índice acumula avançou 28,3% quando comparado ao mesmo período de 2008. Os títulos protestados são os maiores causadores do endividamento da pessoa jurídica, com 41,5% de participação no indicador. Os cheques devolvidos aparecem em seguida, com 39,3% de representatividade. As dívidas com bancos correspondem por 19,2% do indicador.

Já quanto ao valor, as dívidas com bancos foram as mais altas no acumulado dos quatro primeiros meses do ano, com média de R$ 4,6 mil. Os títulos protestados tiveram valor médio de R$ 1,8 mil e os cheques sem fundos, R$ 1,445 mil.

(Carina Urbanin - InvestNews)