Europa: esperanças sobre retomada animam bolsas

REUTERS

LONDRES - Os bancos puxavam a alta das bolsas de valores da Europa nesta quarta-feira, acompanhando os ganhos no pregão eletrônico americano após um dado de confiança do consumidor melhor que o esperado na véspera alimentar as esperanças de uma recuperação econômica. Às 8h17, o índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais praças acionárias da região, subia 0,36%, para 868 pontos.

O índice acumula alta de 5% em maio, quando deve marcar o terceiro mês consecutivo de ganhos, a melhor série em dois anos. Desde a mínima recorde registrada no início de março, o indicador acumula alta de 35%, mas considerando o maior pico histórico alcançado em meados de 2007, ainda aponta queda de 47%.

Entre os bancos, os destaques de alta do dia eram UBS, Royal Bank of Scotland, Credit Agricole, Société Générale e HSBC, com altas de 1,4% a 3%. Analistas disseram que as ações foram estimuladas recentemente pelas injeções de liquidez dos bancos centrais no sitema financeiro e que esse ânimo deve continuar.

- O rali baseado na liquidez deve durar mais um pouco, talvez mais de um ano. Vemos as ações europeias subindo 10% neste ano- disse Franz Wenzel, estrategista do AXA Investment Managers em Paris.

- O excesso de liquidez favorece mais ativos de risco, como ações, que são ativos que se beneficiam deles antes que se transformem em inflação- acrescentou.

Ações dos setores farmacêutico e de alimentos recuavam diante do movimento de investidores abandonando ações defensivas e comprando papéis cíclicos.