Fusão entre Perdigão e Sadia é positiva, diz Ativa

SÃO PAULO, 13 de maio de 2009 - A corretora Ativa avaliou como "potencialmente positivo" a fusão entre Perdigão e Sadia, que segundo rumores de mercado poderia estar próxima da concretização.

Em comunicado enviado ontem à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Perdigão esclareceu que mantém discussões sobre uma associação entre ambas as companhias, mais que até o presente momento, ambas não chegaram a um acordo sobre os termos da associação.

"A união das empresas sem desembolso financeiro e ainda com aporte do BNDESPar sanearia os números da nova empresa, provendo condições de honrar com as dívidas combinadas de curto prazo, que giravam em torno de R$7,8 bilhões em dezembro de 08", afirmou o relatório da corretora.

Segundo a Ativa, utilizando a cotação de 11 de maio, o market cap combinado das empresas totalizaria R$ 9,8 bilhões, tendo cerca de 67% correspondente ao valor de Perdigão e 33% de Sadia.

Além disso, a corretora afirma que o novo player iria se tornar uma das maiores empresas brasileiras e uma dos maiores do mundo em seu segmento de atuação, com R$25 bilhões de receita bruta, sendo 42% provenientes de exportações.

(Redação - InvestNews)