Licenciamentos em abril caem 13,7%

SÃO PAULO, 8 de maio de 2009 - A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) informou hoje que os licenciamentos de veículos novos, nos quatro primeiros meses de 2009 sofreram redução de 0,7%, na comparação com a mesma época de 2008, totalizando 902.652 unidades. Somente em abril foram comercializadas 234.390 unidades, apontando queda de 13,7% em relação ao mês anterior.

"Nos quatro primeiros meses, o recuo foi pequeno e foi praticamente igual ao mesmo do período do ano passado. Lembrando também que este ano tivemos um dia a menos do que em 2008", destaca o presidente da Anfavea, avaliando que o desempenho mensal foi influenciado pela antecipação de compra, em função do IPI.

Além disso, a entidade analisou que o volume de crédito subiu 0,6% de fevereiro para março, para R$ 145,8 bilhões, o juro caiu 1 ponto percentual, enquanto que a inadimplência (CDC) passou de 4,9% em fevereiro para 5,1% em março.

Em abril, a aquisição a prazo de veículos zero km respondeu por 56% das compras, enquanto que 44% comparam à vista. "Esta retomada na venda de veículos a prazo mostra a melhora da confiança das pessoas no mercado", considera Schneider.

Com as vendas e as exportações em queda, naturalmente a produção de veículos caiu nos quatro primeiros meses deste ano. No período foram fabricadas 916.225 unidades, o que significa uma redução de 16,4%, face aos mesmos meses do ano anterior. "Este número é explicado claramente pela queda nas exportações", diz a Anfavea.

(Déborah Costa - InvestNews)