Lucro da Cremer avança 18% no 1ºtri

SÃO PAULO, 5 de maio de 2009 - A Cremer (CREM3), fabricante de produtos têxteis, adesivos cirúrgicos e distribuidora de produtos para a saúde, anunciou hoje ter reportado lucro líquido de R$ 10,2 milhões no primeiro trimestre de 2009, com alta de 18,3% ante o mesmo período do ano passado. Já o lucro líquido ajustado (somadas as despesas não recorrentes relacionadas ao programa de opções, porém ajustados impactos no IR e CSSL) foi de R$ 10,1 milhões, com incremento de 7%, na mesma base de comparação. "Acreditamos que o lucro líquido ajustado representa melhor nosso resultado recorrente", informou a companhia em nota.

No período, a receita bruta avançou 14,9%, para R$ 112 milhões. A receita líquida no primeiro trimestre do ano totalizou R$ 86,2 milhões, com elevação de 15,9%.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) ajustado cresceu 16,2%, para R$ 12,4 milhões, resultando em uma margem Ebitda de 14,4%.

A geração de caixa operacional (incluindo investimentos) foi de R$ 10,9 milhões, resultado 332% superior ao obtido no mesmo período do ano passado.

Em comunicado, a companhia considerou os resultados como "animadores". "Acreditamos que os resultados obtidos no trimestre já refletem um maior foco em aumentar a lucratividade e rentabilidade do negócio e maximizar o retorno sobre o capital empregado, geração de caixa e valor para o acionista", considerou o conselho administrativo da Cremer, acrescentando que em abril foram criados grupos de trabalho para discutir estratégias de aprimoramento para os setores comercial, cadeia de suprimentos, recursos humanos, gerações de informações gerenciais e crescimento com rentabilidade.

(Redação - InvestNews)