Rendimento da Fundação CESP é de 2,38%

SÃO PAULO, 4 de maio de 2009 - A Fundação CESP fechou o primeiro trimestre de 2009 com um resultado significativamente superior à meta atuarial para os três primeiros meses do ano. Segundo nota da entidade, a carteira total do maior fundo de pensão patrocinado por empresas da iniciativa privada do país alcançou um rendimento de 2,38%, desempenho 246,4% acima do custo atuarial para o período, de 0,9%, calculado com base na variação do IGP-DI mais 6% ao ano.

As aplicações em renda fixa, nas quais estavam alocados 75% dos ativos garantidores da instituição em dezembro, apresentaram ganho acumulado de 1,67% entre janeiro e março deste ano.

Na renda variável esteve alocado, em média, 10% do total de recursos para investimentos da entidade, excluída a carteira de participações. A carteira fundamentalista (excluídas a carteira de participações societárias e a de dividendos) apresentou no trimestre um ganho de 10,62%, acima dos 10,11% acumulados pelo IBX, da Bovespa, indicador adotado como referência. Já a carteira de participações evoluiu 0,11% e a de dividendos teve rentabilidade de 9,05% no período.

As aplicações em imóveis da entidade renderam 2,58% no período, e os empréstimos aos participantes, cujo montante era de R$ 314,7 milhões em março, apresentaram rentabilidade de 1,27%.

Com tal desempenho, a Fundação CESP registrava em março de 2009 um patrimônio para investimento de R$ 15,3 bilhões e um patrimônio total de R$ 19,9 bilhões.

(Redação - InvestNews)