BC coloca US$ 805 milhões em leilão de taxas

SÃO PAULO, 4 de maio de 2009 - O Banco Central (BC) anunciou que aceitou 14 propostas no leilão de taxas para concessão de empréstimo em moeda estrangeira a instituições financeiras. A taxa de corte foi de 0,85% sobre a libor (London Fixing) do dia 1º de maio divulgada pela British Bankers Association (BBA). A taxa de venda por parte do BC para liquidação no dia 6 de maio ficou em R$ 2,144 e a de compra para liquidação em 5 de junho a R$ 2,157176, com um DI interpolado de 10,082%. A operação movimentou US$ 805 milhões. A oferta total era de US$ 2 bilhões.

Nessa modalidade, a instituição financeira direciona os recursos obtidos no leilão para a oferta de empréstimos ou pagamento de dívidas, por exemplo. Esse foi o segundo leilão no qual os dólares obtidos junto ao BC poderão ser utilizados para financiar outras atividades além do comercio exterior. Inicialmente, essas operações eram permitidas somente para estimular o financiamento ao comércio exterior, mas em março o BC estabeleceu que passariam a valer também para empresas brasileiras e instituições financeiras com dívidas externas, contraídas em dólares, com vencimentos entre 1º de outubro de 2008 e 31 de dezembro deste ano.

(Simone e Silva Bernardino - InvestNews)