Renner tem lucro 56,7% menor no 1º trimestre, de R$ 10,9 mi

REUTERS

SÃO PAULO - As Lojas Renner divulgaram nesta quarta-feira lucro líquido de R$ 10,9 milhões para o primeiro trimestre, o que representa uma queda de 56,7% em relação ao lucro de igual período do ano passado. Segundo a empresa, os primeiros meses do ano foram marcados por um ambiente macroeconômico desfavorável devido à crise global.

A alta base de comparação do primeiro trimestre de 2008, a recomposição dos estoques em janeiro e a entrada mais tardia da coleção em 2009 também influenciaram os resultados, conforme a varejista.

A receita líquida total da empresa caiu para R$ 419,1 milhões de janeiro a março, ante R$ 431,8 milhões em igual intervalo do ano passado.

A geração de caixa medida pelo Ebitda no primeiro trimestre foi de R$ 42 milhões, inferior aos R$ 55,4 milhões um ano antes.

A empresa reduziu os investimentos em ativos fixos para R$ 6,4 milhões no primeiro trimestre, ante R$ 18,1 milhões há um ano. A maior parte foi para a preparação de cinco lojas que serão inauguradas até junho. Estão previstas outras três lojas para 2009, totalizando oito unidades novas no exercício.