Sudeste é vai receber mais moradias do pacote de habitação

Agência Brasil

BRASÍLIA - O Sudeste lidera o ranking de regiões do país com o maior número de moradias previstas no pacote habitacional que o governo lança nesta quarta-feira. De um total de 1 milhão de unidades, 363.984 (36,4%) serão construídas na região, 183.995 apenas em São Paulo, estado que lidera a lista por unidades federativas.

Em seguida está o Nordeste, com um total 343.197 moradias (34,3%). Os estados da Bahia (80.744), do Maranhão (72.756) e do Ceará (51.644) serão os maiores beneficiados na região.

No Sul, a previsão é que 120.016 moradias (12%) sejam construídas, com destaque para o Rio Grande do Sul, com 51.795, e para o Paraná, com 44.172.

A Região Norte soma 103.018 casas (10,3%), distribuídas, sobretudo, nos estados do Pará (50.667) e do Amazonas (22.238).

Já o Centro-Oeste irá receber 69.786 moradias (7%), a maioria em Goiás (27.613).