Diretor de empresa francesa é mantido refém pelos funcionários

Agência AFP

PARIS - Revoltados contra o plano de demissões da empresa farmacêutica 3M, da França, trabalhadores fizeram refém um diretor desde a tarde de ontem. Durante toda a madrugada, grupos de empregados se revezaram no escritório do diretor, impedindo que ele deixasse o local.

Este é o segundo caso na França de responsáveis de empresas mantidos reféns pelos trabalhadores neste mês de março.

No dia 13, o presidente da Sony na França e o diretor de recursos humanos da companhia ficaram retidos durante 24 horas na fábrica em Landes, no sudoeste do país, que será fechada neste mês de abril.Eles foram libertados após aceitarem renegociar o valor das indenizações dos 311 trabalhadores que serão demitidos.