FGV: Rio de Janeiro tem a menor inflação entre as capitais

JB Online

RIO - A inflação medida pelo Ìndice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) registrou desaceleração em quatro das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV) na passagem da segunda para a terceira semana de março. No Rio de Janeiro, a taxa ficou em 0,03%, ante 0,06% na semana anterior. Esta é a a menor inflação entre as capitais pesquisadas.

A maior variação foi a registrada em Porto Alegre, onde o índice passou de 0,84%, na prévia anterior, para 0,75%, na atual. As outras capitais que tiveram desaceleração foram Recife (0,5% para 0,45%) e Salvador (0,31% para 0,25%).

Na passagem da segunda para a terceira semana do mês, a maior aceleração foi verificada em São Paulo, de 0,23 ponto percentual no indicador, que passou de 0,44% para 0,67%. Também na contramão, ficaram Belo Horizonte (0,61% para 0,72%) e Brasília (0,02% para 0,2%).

No geral, o IPC-S teve inflação de 0,46% no período, com a principal pressão para a aceleração vindo dos alimentos, que avançaram de 0,37% para 0,73%. Na segunda semana do mês, o indicador tinha apresentado alta de 0,37%.

O IPC-S do período foi calculado com base nos preços coletados 23 de fevereiro de 2009 e 22 de março de 2009, comparados aos coletados entre 23 de janeiro de 2009 e 22 de fevereiro de 2009.