Déficit fica 20% maior em fevereiro

SÃO PAULO, 24 de março de 2009 - A Previdência Social teve déficit de R$ 2,5 bilhões em fevereiro de 2009, o que representa uma redução 59,3% em relação ao saldo negativo obtido em janeiro. No entanto, o rombo é 20% maior se comparado com fevereiro de 2008. "Esta alta é explicada tanto pelo impacto do salário mínimo como pela postergação da dívida do Simples Nacional", destaca o Ministério da Previdência em comunicado.

A arrecadação da Previdência cresceu em fevereiro deste ano. A receita atingiu R$ 13,1 bilhões, representando uma expansão de 3,9%m em relação a igual período do ano anterior. Já em comparação com janeiro houve crescimento de 9,1%. As informações são do Ministério da Previdência Social.

A despesa global da previdência com benefícios recuou 14,5% em fevereiro, face a janeiro, enquanto que comparando com fevereiro de 2008, os gastos com benefícios cresceram 6,3%. No total foram necessários R$ 15,7 bilhões para pagamento de benefícios em fevereiro.

As contas do setor urbano apresentaram superávit de R$ 268 milhões em fevereiro. A arrecadação urbana foi de R$ 12,8 bilhões, com despesa de R$ 12,5 bilhões.

Em fevereiro, o INSS pagou 22,816 milhões de benefícios, incluindo os previdenciários e os relacionados a acidentes.

(Redação - InvestNews)