Barril tem tendência mista no mercado internacional

SÃO PAULO, 24 de março de 2009 - Os preços do petróleo encerraram com tendência mista nesta terça-feira. Em Nova York, a commodity registrou a maior alta dos últimos quatro meses, devido à especulação de que o relatório do governo dos Estados Unidos mostrará, amanhã, que as reservas de gasolina e destilados (diesel e combustível para calefação) declinaram na semana passada.

O preço do barril de petróleo do tipo WTI, com vencimento em maio, apresentou alta de 0,3%, cotado a US$ 53,98 na Bolsa de Mercadorias de Nova York (NYMEX, sigla em inglês).

Já o barril do tipo Brent, com vencimento em maio, desvalorizou US$ 0,03, ou 0,05%, negociado a US$ 53,50 no ICE Exchange de Londres.

Na semana encerrada no dia 13, os estoques de gasolina registraram alta de 3,2 milhões de barris, para 215,7 milhões. A expectativa é que essas reservas tenham caído em 650 mil barris na semana encerrada no dia 20. Já os destilados teriam recuado em 100 mil barris.

Além disso, a valorização do dólar frente ao euro também influencia o movimento, reduzindo a atratividade dos contratos como forma de investimento, uma vez que o petróleo é cotado na moeda norte-americana.

(Redação - InvestNews)