G20 adotou 47 restrições após promessa contra protecionismo

REUTERS

REUTERS - O Banco Mundial comunicou nesta terça-feira que os países desenvolvidos e em desenvolvimento integrantes do G20 adotaram 47 novas restrições comerciais desde que prometeram evitar o protecionismo.

A instituição clamou ao G20 que fortaleça suas posições contra o protecionismo, concordando em relatar qualquer caso de novo subsídio ou restrição comercial à Organização Mundial do Comércio (OMC), a cada três meses.

- O isolamento econômico pode levar a uma espiral negativa de eventos como vimos na década de 1930, que tornou a situação muito, muito pior - afirmou o presidente do Banco Mundial, Robert Zoellick.