Presidente do Citi diz que banco teve lucro no primeiro bimestre

REUTERS

LONDRES - O Citigroup foi lucrativo nos dois primeiros meses de 2009 e está confiante sobre sua força de capital depois de duros testes internos de estresse, afirma um memorando do presidente-executivo do banco, Vikram Pandir.

O Citigroup não comentou sobre o memorando, enviado em e-mail para colegas de trabalho e obtido pela Reuters nesta terça-feira.

O documento foi distribuído depois que o custo de seguro da dívida do Citi bateu recorde na segunda-feira. Na nota, o Citigroup afirma que teve sua melhor performance em um trimestre até o momento desde o terceiro trimestre de 2007.

As receitas excluindo alguns itens somaram 19 bilhões de dólares em janeiro e fevereiro, quase alcançando os 21 bilhões de dólares do primeiro trimestre do ano passado.

- Dito isso, ainda temos um mês antes do fim do trimestre e a volatilidade do mercado pode alterar os resultados - informou o banco nos documentos obtidos pela Reuters.

O memorando também afirma que o banco está confiante sobre sua força de capital depois que passou por testes de estresse que usaram premissas mais pessimistas que as adotadas pelo Federal Reserve.

No documento, Pandit diz que ficou decepcionado com o preço da ação do Citi e com os 'amplos equívocos sobre nossa companhia e sua posição financeira'.

- Acreditamos que nossos spreads de crédito estão desconectados de nossa situação e são inconsistentes com os anúncios do governo sobre o apoio ao sistema financeiro - conclui.