Botnia liquida joint venture na Letônia

SÃO PAULO, 10 de março de 2009 - A companhia finlandesa Botnia informou que liquidou a joint venture, Baltic Pulp, estabelecida com o governo da Letônia. O governo letão detinha 33% da Baltic Pulp, enquanto a Botnia era majotitária com 67% de participação.

De acordo com o comunicado da companhia, o conceito da fábrica de celulose não era mais competitivo, devido à atual situação econômica mundial. Em novembro de 2006, a empresa já havia anunciado ao governo letão que o projeto da fábrica de celulose poderia ser interrompido.

Diante disso, na última sexta-feira, os acionista concordaram que a implementação do projeto não era viável e decidiram liquidar a joint venture. A parceria foi estabelecida em 2000, com o intuito de pesquisar as oportunidades para construir uma fábrica de celulose na Letônia.

(MR - InvestNews)